A minha fotografia
Nome:
Localização: Lisboa, Portugal

músico-escritor de canções, nascido em 1975 na Praia da Barra, Portugal www.myspace.com/jorgecruzpoeira

sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Antes de sair

...devo responder a 4 (quatro) provocações carecidas de esclarecimento:

1) O que traz o "Idiot Wind" para o topo de qualquer catálogo de grandes canções é o facto de ser uma farsa: a canção, o Dylan, tudo.

2) É perfeitamente irrelevante se a catalogação de discos dos Palace Brothers é feita no B de Bonnie Prince Billy ou no W de Will Oldham. Isto desde que os discos de Samuel Úria se encontrem no F de Futuro Chefe de Estado Maior das Forças Armadas.

3) Recuso a insinuação de que eu apenas considere a classe dos críticos de arte em Portugal como inexistente por eles estarem para o fetichismo como as pessoas com vida sexual activa estão para o sexo. Antes de mais, julgo que se a um crítico de música em Portugal lhe for mostrado um côco ele o descreverá como uma bola castanha com pêlos.

4) Cabe ainda refutar o boato de que eu ande a ter um caso com a Dona Benvinda do Rés do Chão esquerdo. Se passo lá por casa, é para entregar as cartas do inquilino anterior.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial