A minha fotografia
Nome:
Localização: Lisboa, Portugal

músico-escritor de canções, nascido em 1975 na Praia da Barra, Portugal www.myspace.com/jorgecruzpoeira

terça-feira, 22 de janeiro de 2008

Declaração de intenções

Começo este blogue no descer da madrugada, nem por acaso a ouvir o "She Belongs To Me" do Bob Dylan, porque acabei de fabricar uma compilação dos seus "early years" e estreio-me a ouvi-la quando em vez de me ir deitar decido não mais adiar este projecto. Ter um blogue. Outro projecto será fazer compilações pessoais do Tom Waits, do Leonard Cohen, do Carlos Paião. Há qualquer coisa de perturbadoramente pacífico no Rio Tejo de madrugada (que me aparece à esquerda pela janela). É como se fosse piada essa notícia de que há mais de um milhão de pessoas aqui à sua volta. Pretendo com este blogue: ser egocêntrico, ser filosófico de uma maneira chata acerca de coisas sobre as quais não é preciso dizer-se nada no fundo, fazer propaganda sobre tudo aquilo que me interessa, deixar dissertações íntimas ao chegar a casa embriagado, dar a conhecer a nova música portuguesa, dar a conhecer a velha música portuguesa, ofender os tarefeiros da arte, os networkers e todo o tipo de animais desinteressantes e homenagear tudo o que mexa que tenha alguma onda, porque já estamos fartos dessa falsa timidez portuguesa, desse medo de explorar, da asae, da emel, da ecalma e de tudo aquilo que quer assustar com a sua pequenês que é - antes de mais - enfadonha! Por isso, meus amigos, como se diz no Porto: Grizem-se! Nada é assim tão importante... É essa a chave para o enorme valor de todas as coisas.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial